BUSCAR
Twitter
Twitter
Instagram
Facebook

EXPOSIÇÕES

Casa das Rosas abre mostra com livros infantis sobre diversidade sexual

Um convite à reflexão, ao amor e à liberdade serão expostos em formato de livros em aquarela que educam e divertem

 

Diante das discussões cada vez mais barulhentas principalmente nas redes sociais sobre identidade de gênero e diversidade sexual, a Casa das Rosas abre seu espaço para crianças e adultos tratarem do tema, a partir do dia 12 de abril, com a mostra AMAR – Coletânea de Livres Infantis. O museu promove o diálogo sobre a questão LGBT de uma forma humana e sensível, através da literatura, para despertar novos olhares e reflexões para as gerações futuras. 

 

Na mostra, serão apresentadas quatro obras literárias sobre diversidade sexual e identidade de gênero, narradas com delicadeza narrativa em traços de aquarelas e elementos naturais. Os textos foram escritos por Rosana Urbes, Cris Eich, Mateus Rios, Marcia Misawa, Thiago Minamisawa, Bruno H. Castro e Vinicius Cardoso. Eles desenvolveram diálogos poéticos escritores importantes do passado com Safo, Ovídio, João Guimarães Rosa e Frida Kahlo.

 

A coletânea de livros infantis será lançada com uma exposição das obras originais na Casa das Rosas e atividades culturais relacionadas ao tema. Confira a programação:

 

A coleção foi selecionada pelo edital ProAC LGBT 2014, da Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo, e interage com a beleza lúdica da infância para inspirar a construção de uma nova sociedade.

 

As Obras

SAFO

“Livre” abertura de Rosana Urbes. Depois do premiado curta-metragem de animação “Guida”, a artista dá sequência à sua pesquisa sobre o feminino com a homenagem à poetisa grega Safo. Uma evocação e celebração às musas da Grécia Antiga e às mulheres. Epifania em aquarelas, flores e folhas colhidas da natureza de São Paulo. A letra L.

 

EU

“Livre” haikai do ilustrador Mateus Rios e do cineasta e escritor Thiago Minamisawa. O poema de Narciso, escrito por Ovídio, foi o ponto de partida para uma reflexão artística sobre o autoconhecimento, a beleza e o afeto, para assim transpor os reflexos superficiais do homem. A letra G.

 

NONADA

“Livre” manifesto da artista plástica Cris Eich e do roteirista e jornalista Bruno H Castro. Uma homenagem a João Guimarães Rosa e ao amor de Diadorim e Riobaldo, personagens de "Grande Sertão: Veredas”. Epopeia lúdica e antropofágica. A poesia concreta narra a geração, o parto e a infância de um novo tempo da humanidade. A letra B.

 

EXISTO

“Livre” diário da artista Marcia Misawa e do cineasta e jornalista Vinícius Cardoso. Uma criança trans relata sua história em um caderno de descobertas e reflexões. Os escritos de Frida Kahlo e Clarice Lispector foram os pontos de partida, assim como as oficinas do AMAR no projeto Transcidadania, em que os relatos de alunos e alunas inspiraram a poesia do diário, que fala da beleza de se revelar e existir. A letra T.

 

Autores

ROSANA URBES 
Diretora, animadora e ilustradora, trabalhou 8 anos nos estúdios Disney, em filmes como “Mulan”, “Tarzan”, “Lilo&Stitch”, entre outros. Em 2010, Rosana lançou “Meu dia é assim”, sua primeira publicação como autora. Desde então, já ilustrou mais de 15 obras infantis de autores como Tatiana Belinky, Antonio Caloni e Monteiro Lobato. O curta-metragem “Guida”, seu primeiro filme autoral, recebeu mais 70 prêmios ao redor do mundo, com destaques para o cristal no Festival Internacional do Cinema de Animação de Annecy (França), Prêmio Especial do Júri no Festival de Havana (Cuba) e os 5 prêmios recebidos no Festival Animamundi (Brasil).


CRIS EICH 
Aquarelista e autora, ilustrou mais de 70 livros infantis de autores como Cecília Meireles, Ruth Rocha, Ana Maria Machado, Monteiro Lobato, entre outros. Recebeu duas vezes o prêmio Altamente Recomendável da Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil: em 2005, na categoria informativo, por “Uma vida de contos de fadas A História de Hans Christina Andersen”, de Marcos Bagno (Atica), e em 2009, na categoria jovem, por “Mensagem para você”, de Ana Maria Machado (Ática).

MATEUS RIOS 
Ilustrador, atuou desde 2006 em publicações das principais editoras de literatura infanto-juvenil do país, como Moderna, Saraiva, Scipione, Ática, FTD, Nova Fronteira. Foi finalista do prêmio Jabuti por duas vezes, em 2007 e 2010, na categoria melhor ilustração de livro infantil ou juvenil. Selecionado para a 23ª Bienal de Bratislava, República Tcheca, em 2011, é responsável pelas ilustrações e o projeto gráfico de “Ela tem olhos de céu”, Prêmio Jabuti na categoria de melhor livro infantil em 2013.


MARCIA MISAWA 
Ilustradora de Literatura Infanto-juvenil, é pós-graduada em Educação, em que estudou o desenvolvimento moral e ético das crianças e os livros infantis como fonte cultural para reflexões morais. Em 2015, suas aquarelas receberam menção honrosa no Salão de Aquarela de Piracicaba, Prêmio Aquisitivo no Território da Arte de Araraquara e teve obras selecionadas para o Salão de Belas Artes de Piracicaba. “Pra lá do Escuro” e “Faz de conta” que hoje eu cozinho são suas primeiras obras autorais independetes. Desenvolve, atualmente, o livro “Saudade de Caqui”, obra autoral ganhadora de edital em Literatura Infantil ProAC 2015. 

SAFO 
Safo é considerada a maior poetisa grega do gênero lírico, talvez a primeira escritora do sexo feminino a marcar a literatura ocidental. Apesar da notoriedade de sua obra, a opressão ao feminino provocou, na Era Medieval, a censura de sua poética, o que infelizmente resultou na perda de grande parte dos seus textos – queimados pela Igreja. Raros fragmentos sobreviveram ao longo do tempo. O termo lésbica se origina do nome da ilha em que a poetisa nasceu, Lesbos, situada no nordeste do Mar Egeu, em meados do ano de 612 a.C. Serão utilizadas transcriações originais para a publicação.

THIAGO MINAMISAWA 
É formado em Imagem e Som pela Universidade Federal de São Carlos. Produtor executivo e roteirista dos filmes: “Guida”, de Rosana Urbes, e “Um lugar Comum", de Jonas Brandão, premiado como melhor curta metragem no Festival Internacional de Animação do Uruguai. Foi programador cultural do SESC Pompeia e do CineSESC entre os anos de 2008 e 2011. Desenvolveu projeto de pesquisa de mediação em arte, com trabalho selecionado pelo Centro Cultural São Paulo. Atuou como produtor e roteirista em diversas produtoras de animação.


BRUNO H CASTRO 
É formado em Jornalismo pela Faculdade Cásper Libero. Trabalhou no projeto de inclusão digital do governo de São Paulo (Escola do Futuro/USP). Roteirizou e dirigiu o documentário “Anhangabaú da Feliz Cidade” e integrou o Teatro Oficina, de Zé Celso Martinez Correa, como produtor audiovisual. É roteirista, produtor executivo e fotógrafo de referência da animação “Guida”; roteirista do documentário “O único com o nome EU” (a ser lançado); e, atualmente, roteiriza o longa-metragem “Depois que você foi”. Editou, escreveu e produziu a série de cordéis “Lampioa”. Também foi roteirista e produtor de conteúdo em produtoras e agências.


VINICIUS CARDOSO 
É formado em Jornalismo pela Faculdade Cásper Líbero, pós-graduado em semiótica pela PUC-SP e com cursos de audiovisual em direção de arte cinematográfica, iluminação, edição e direção de atores. Trabalhou nas Editoras Globo e Globo-Condé Nast, e pela produtora Gazpacho Películas de Moda. Dirige e edita vídeos de moda, beleza e lifestyle para veículos como Vogue Brasil, Elle e Marie Claire. “Crushing Weight”, seu primeiro trabalho autoral com video-dança, participou de festivais internacionais e foi premiado no Festival de Londres. Trabalha atualmente em seu segundo projeto de video-dança, filmado na Oca, de Oscar Niemeyer.

 

Serviço: 
Mostra AMAR – Coletânea de Livres Infantis 
De 12 a 30 de abril de 2016

CASA DAS ROSAS
ESPAÇO HAROLDO DE CAMPOS DE POESIA E LITERATURA
+55 (11) 3285.6986 | 3288.9447 contato@casadasrosas.org.br
Av. Paulista, 37 Bela Vista CEP 01311-902 São Paulo Brasil
HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO DO MUSEU
Terça-feira a sábado, das 10 às 22h
Domingos e Feriados, das 10 às 18h.
(Passível de alteração, de acordo com a programação).
TRABALHE CONOSCO COMPRAS E CONTRATAÇÕES RELATÓRICO DE ATIVIDADES CONTRATO E GESTÃO OUVIDORIA SECRETARIA DA CULTURA Portal da Transparência Estadual
www.transparencia.sp.gov.br