BUSCAR
Twitter
Twitter
Instagram
Facebook
 
HAROLDO DE CAMPOS C. R. HAROLDO DE CAMPOS ACERVO HAROLDO DE CAMPOS CATÁLOGO DO ACERVO BIBLIOGRÁFICO REVISTA CIRCULADÔ REVISTA CTRL+ VERSO COOPERATIVA DA INVENÇÃO POESIA EXPANDIDA
BUSCAR
Twitter
Facebook

Haroldo de Campos. A ReOPERAÇÃO DO TEXTO. São Paulo: Editora Perspectiva, 2013.

 

 

Parcial é a modalidade crítica que Baudelaire considerava a única que verdadeiramente atraía o seu interesse, permitindo-lhe uma leitura quase “ao vivo” das obras e de seus criadores. E, dessa mesma abordagem, a presente reunião de ensaios de Haroldo de Campos constitui um relevante exemplo, não só por sua atualidade, como pela abertura interna que a própria coletânea oferece para abrigar outros escritos do autor, proporcionando uma medida de amplitude de seu universo de pensamento e fazimento poético, e confirmando, uma vez mais, o aforismo de Walter Benjamin, outra insigne expressão dessa linha de reflexão crítica, o qual declara: “Quem não é capaz de tomar partido, deve calar”.


Haroldo de Campos reopera a sua seleção, pois, postumamente, com os trabalhos sobre o problema da ruptura dos gêneros na literatura latino-americana e Mallarmé no Brasil. Enfeixam-se, assim – com texto e história, os anagramas de Saussure, o barroco transtemporal, o teatro nô, a poesia italiana e, como figura de base, uma unidade tripartita: Hölderlin, Poe, Maiakóvski –, operadores, fundantes e/ou complementares, da moderna linguagem literária e da arte poética de nosso tempo.


CASA DAS ROSAS
ESPAÇO HAROLDO DE CAMPOS DE POESIA E LITERATURA
+55 (11) 3285.6986 | 3288.9447 contato@casadasrosas.org.br
Av. Paulista, 37 Bela Vista CEP 01311-902 São Paulo Brasil
HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO DO MUSEU
Terça-feira a sábado, das 10 às 22h
Domingos e Feriados, das 10 às 18h.
(Passível de alteração, de acordo com a programação).
Governo do Estado de São Paulo
TRABALHE CONOSCO COMPRAS E CONTRATAÇÕES RELATÓRICO DE ATIVIDADES CONTRATO E GESTÃO SECRETARIA DA CULTURA OUVIDORIA